Quais são os processos de construção de um site?

Escrito por maiscode

Publicado em 20/07/2021

Estar na internet é estar constantemente em contato com diferentes sites. Seja em busca de entretenimento, seja para ler notícias e acessar informações ou mesmo ver produtos e comprá-los, os sites provavelmente fazem parte do seu dia a dia.

Mas você já pensou no trabalho adquirido para construir esses sites? Antes dele chegar até você, o site passou por um grande processo de ideias e desenvolvimento que talvez você nem imagine! Por isso decidimos escrever este artigo para explicar um pouco todos os passos executados para que se atinja o objetivo da criação de um site bonito e organizado.

Tipos de sites

Mas antes de explicar esse processo, precisamos entender quais são os tipos de sites. Já que cada um possui um objetivo, a forma de fazê-los pode ser diferente ou o tempo para criá-los pode ser menor ou maior, dependendo de qual site é. Por isso é importante conhecer os diferentes tipos.

Institucionais

Os sites institucionais possuem a única função de comunicar sobre a empresa para seu público. Neste caso, contêm poucas páginas e exploram a divulgação da natureza da empresa, a missão, a visão, os valores, os endereços e o contato. Normalmente estes sites têm baixa integração com ferramentas externas e seu conteúdo tende a ser estático ou sofrer pouca variação de conteúdo. Costumam funcionar como um cartão de visitas da empresa.

Lojas on-line

As lojas on-line ou e-commerces são sites que possuem uma estrutura mais robusta: elas contam com as páginas que apresentam a empresa, mas seu foco é a vitrine, ou seja, as vendas dos produtos da empresa.

Neste tipo de site temos mais integrações, como gateway de pagamentos e plugins de logística. É possível que exista a necessidade de integrações com ferramentas de geração de campanhas e também com API que comuniquem com sistemas de controle de estoque do cliente, geração de notas fiscais de venda, entre outros. O controle de estoque pode ficar dentro do próprio site, como é o caso do plugin WooCommerce para sites em WordPress.

A elaboração desse tipo de site demanda mais especialização da equipe que irá desenvolvê-la e um envolvimento maior do cliente no processo de desenvolvimento total.

Portais

Funcionam como um “site de sites”. Costumam ter uma estrutura hierárquica que agrega outros sites — por exemplo uma empresa que possui vários canais de venda, para indústria e varejo, ou que atue em vários segmentos de negócio, como educação, serviços e agro ao mesmo tempo —.

Os portais possuem uma configuração mista com elementos institucionais mesclados com outros tipos de sites como sites institucionais, blogs, lojas e áreas de membros, diretórios virtuais, etc. Nestes podem existir integrações, mas via de regra a maioria das integrações estão nos sites agregados.

Marketplaces

Os Marketplaces são como um grande Shopping Center, onde várias lojas anunciam seus produtos, utilizando a estrutura e por vezes o nome de uma empresa ou marca mais conhecida, como Magazine Luiza, Mercado Livre, entre outros.

Os Marketplaces podem ter estruturas extremamente complexas, com APIs para consumo de seus clientes (os lojistas que vendem pelo canal), área administrativa para que esses clientes possam acessar seus ambientes separados uns dos outros, gerir as vendas e notificar esses vendedores, bem como integração com gateways de pagamento ou mesmo a implementação de gateways próprios.

Como a construção de um site funciona na Mais Code

O processo de construção de um site, no geral, se inicia com a demanda do cliente em busca de posicionamento de sua marca ou seu negócio na internet. Assim, nós ajudamos estes clientes com a criação de um site organizado e bonito, ao seu gosto.

Primeiro passo: definir as necessidades do cliente

O processo de construção de sites na Mais Code Tecnologia inicia com definição, por parte do cliente, do site a ser desenvolvido.

No projeto pode ser solicitado que a Mais Code elabore o layout. Neste caso, a equipe de design participa de reuniões com o cliente para obtenção de referências e necessidades, bem como os demais insumos, como manual de marca, se houver.

Crédito: Animation Brainstorming GIF by Meister HQ

Segundo passo: desenvolver o site

Após uma reunião entre equipe técnica e cliente, onde são utilizadas técnicas de entrevista para extrair toda a necessidade do projeto, bem como funcionalidades e integração, se necessárias, inicia-se a fase de desenvolvimento.

Na fase de desenvolvimento, a equipe técnica transforma as orientações do cliente, juntamente com o layout definido (o layout pode ser criado dentro do processo, pela Mais Code ou vir já definido pelo cliente) no produto final: o site.

Este período pode durar de 4 a 6 semanas em projetos mais simples. Dependendo das necessidades, funcionalidades, quantidades de integrações, tipo de linguagem ou tecnologia utilizada, o período pode se estender.

Terceiro passo: apresentação para o cliente

Finalizada a construção do site é realizada a apresentação para o cliente. Se houver algum ajuste, a equipe atua para concluir os apontamentos demonstrados pelo cliente.

Último passo: alimentação + entrega

Após a aprovação, é realizada a alimentação do site com as informações enviadas pelo cliente e feita a entrega juntamente com a apresentação da área administrativa para que o cliente tenha autossuficiência quanto a alimentação de seu site e administração do mesmo.

Conclusão

O processo de construção de um site é trabalhoso, mas é sempre recompensador ver o cliente feliz, com um site bonito, organizado e bem estruturado.

E aí, você já sabia de todos estes processos? Gostou de conhecer um pouco mais sobre esse mundo? Caso você queira iniciar um site, pode entrar em contato com a gente. Estamos à sua disposição! 😄

Por: Beatriz Saltão e Marcus Matos Fernandes

Venha fazer a sua presença online com a MaisCode

FAÇA UM ORÇAMENTO

    Assine nossa newsletter para se manter presente online



    Open chat
    Fale conosco!